Artigo, MSA, Opinião, Qualidade Industrial

MSA (Measurement System Analysis): o que é e para que serve?

A Análise do Sistema de Medição ou Measurement System Analysis (MSA) consiste num conjunto de procedimentos que visam verificar se os sistemas de medição estão aptos para reproduzir valores fiáveis de uma variável que se pretende controlar num processo que está sujeito à influência de fatores que contribuem para a sua variação (p.e. fatores ambientais, de temperatura, humidade e fatores humanos). Utiliza ferramentas científicas para calcular os erros e a variação dos sistemas de medição.

Neste artigo, pretendemos apresentar-lhe o que é o MSA, e para que serve.

O que é o MSA?

MSA é definido como um método experimental e matemático para determinar os erros e a variação de um processo de medição. Esta questão é particularmente relevante visto que a problemas nos sistemas de medição contribuem diretamente para a variabilidade geral do processo. O MSA é usado para certificar o sistema de medição, avaliando a sua exatidão, variabilidade e estabilidade.

Um sistema de medição não envolve apenas o equipamento de medição, mas sim todos os fatores que intervêm na obtenção da variável de saída.

As técnicas a usar dependem do tipo de processo de medição e variável em estudo:

– Variáveis quantitativas /numéricas (contínuas ou discretas);

– Variáveis qualitativas / categóricas /atributos (Binários, Nominais e Ordinais).

O MSA é, assim, um passo crítico de qualquer empresa para assegurar que os valores obtidos são fiáveis. Esta ferramenta é ainda um elemento fundamental na aplicação da metodologia Six Sigma.

Caracterização de um sistema de medição

Um sistema de medição deve ser caraterizado quanto à sua estabilidade em torno do valor alvo (tendência central) e à sua variabilidade (precisão).

Problemas que afetam a tendência central (exatidão) dos resultados

Os problemas que afetam a tendência central (exatidão) dos resultados são:

1. Estabilidade

Estabilidade é a capacidade de um sistema de medição reproduzir os mesmos valores ao longo do tempo, quando é medida a mesma amostra. Se os dados estiverem sob controlo estatístico, significa que a variação do processo apenas se deve a causas comuns.

MSA: estabilidade

2. Exatidão ou Bias

Trata-se da distância entre o valor alvo e o valor convencionalmente verdadeiro.

MSA: exatidão

3. Linearidade

Linearidade é uma medida da consistência da exatidão do longo da gama de medição. Será que o aparelho de medição apresenta o mesmo erro de exatidão ao longo de toda a gama de medição?

MSA: linearidade

Problemas que afetam a variabilidade dos resultados

Os problemas que afetam a variabilidade dos resultados são:

1. Repetibilidade

A repetibilidade consiste na variância dos resultados obtidos nas mesmas condições de medição (ex: amostra, operador, equipamento, condições ambientais, etc).

2. Reprodutibilidade

A reprodutibilidade é a variância dos resultados obtidos quando se alterar uma das condições de medição (ex: mudança de operador ou de equipamento).

4 passos para validar um sistema de medição

O procedimento para validar um sistema de medição poderá então passar por:  

1º Passo: Garantir que as pessoas têm a formação adequada para efetuar um determinado procedimento e que os equipamentos estão devidamente qualificados, de acordo com o plano de calibrações/verificações da empresa.

2º Passo: Em função do grau de utilização do equipamento, verificar com recurso a um padrão a estabilidade do equipamento.

3º Passo: Avaliar, pela análise do certificado de calibração ou através de um ensaio, se o erro de exatidão (bias) é constante ou varia ao longo da gama de medição (análise da linearidade) e considerar as devidas correções nos valores obtidos. Nesta fase e com os resultados de várias calibrações deve ser avaliada, por variável e resolução, a degradação do equipamento e rever, caso necessário, as frequências de calibração.

4ª Passo: Realizar um estudo de repetibilidade & reprodutibilidade (R&R) sempre que existe uma alteração na equipa de medição ou no equipamento, para verificar se a variação do processo de medição está dentro do aceitável, face à variação do processo e da tolerância imposta pelo cliente.

Podemos concluir que a implementação de um sistema MSA é fundamental em qualquer indústria que pretende garantir a máxima qualidade dos seus produtos. Apenas com resultados fiáveis é possível controlar variáveis críticas de processos e assegurar que os produtos cumprem as especificações pretendidas.

Por último, de realçar a importância da capacitação das pessoas para a utilização adequada dos equipamentos e métodos de medição.

Cristina Barros

Sócia fundadora e gerente da SINMETRO e desde 1998 que trabalha com a indústria no desenvolvimento de sistemas de informação, consultoria e formação nos setores alimentar, farmacêutica, automóvel, moldes & plásticos, eletrónica, aeronáutica, mobilidade, química, têxtil, de software, e-commerce, entre outras. É Licenciada em Engª Química, Mestre e Especialista em Engenharia e Gestão Industrial e Professora Adjunta e Especialista do Politécnico de Leiria desde 2000.

Conheça o ACCEPT MSA!

Este artigo foi útil?

Classifique este artigo

Uma vez que achou este artigo útil...

Siga-nos nas redes sociais