Artigo, Indústria 4.0, OEE

OEE: o que é e como calcular?

OEE, Overall Equipement Effectiveness, ou Eficiência Global do Equipamento, um termo criado em 1960 por Seiichi Nakajima, avalia a eficiência com que uma operação de fabrico é utilizada.


O seu objetivo é monitorizar o desempenho de linhas de produção, com métricas bem definidas e que permita facilmente comparar diferentes linhas, verificando a evolução das mesmas ao longo do tempo. Para isso, faz uma comparação entre o desempenho real e o seu desempenho ideal, onde o rácio entre os dois indica a percentagem de OEE.

Cálculo do OEE

O indicador OEE é calculado multiplicando o rácio de 3 parâmetros:



disponibilidade x desempenho x qualidade



• Disponibilidade = tempo de operação / tempo de produção planeado


• Desempenho = (unidades produzidas/tempo de operação) / tempo de ciclo ideal


• Qualidade = unidades conformes / total de unidades produzidas

  • Text Hover

Exemplo de cálculo do OEE para uma linha

Disponibilidade = 6h/8h = 75%


Desempenho = (22800 unidades/6 horas) /4000 unidades/hora = 95%


Qualidade = 22700/22800=99,5%


OEE =75% x 95% x 99,5% = 70,9%

1. Disponibilidade

A disponibilidade calcula a percentagem de tempo que a linha esteve a produzir unidades (tempo de operação) relativamente ao tempo planeado de produção.


• Tempo de operação = tempo em produção;


• Tempo planeado de produção = tempo possível de produção-paragens planeadas.


A tipificação do que são ou não paragens planeadas é muito importante para a correta definição do tempo planeado de produção.

2. Desempenho

O desempenho permite calcular a velocidade da nossa linha relativamente ao tempo ideal de ciclo. A definição do tempo ideal de ciclo é assim chave para que este indicador seja corretamente calculado e reflita a realidade.


Apesar de poder usar diretamente o tempo de ciclo indicado pelo fornecedor da linha de produção, é mais realista realizar algumas produções de teste e calcular, com base em dados concretos, qual a velocidade ideal de ciclo da(s) linha(s) de produção da sua fábrica.

3. Qualidade

O indicador da qualidade calcula a percentagem de produto conforme. Para isso, basta dividir o número de unidades conformes/nº total de unidades produzidas.

Cálculos ponderados

Pode acontecer uma mesma linha de produção ter diferentes ciclos padrão ao longo de um dia de produção, ou pretendermos calcular o OEE de toda a fábrica, onde cada linha tem tempos planeados diários distintos. Nesses casos é preciso algum cuidado na forma como agregamos os dados.


Existem duas abordagens possíveis: ou com uma média aritmética direta ou com uma média ponderada. A média direta faz sentido se os processos que estivermos a comparar tiverem exatamente o mesmo tempo de produção planeado.


No entanto, pode acontecer a Linha 1 apenas ter trabalhado 4 horas e a Linha 2 ter trabalhado 8 horas. Neste caso o ideal é usar uma média ponderada.


Nos exemplos abaixo, são ilustradas estas duas possibilidades:

  • Text Hover

Conclusão

O indicador OEE é uma ferramenta muito importante para acompanhar o desempenho das linhas de produção. Com ele é possível perceber tendências, detetar quais as linhas que estão a trabalhar abaixo dos objetivos e agir mais rapidamente para evitar quebras.


A simplicidade da sua fórmula de cálculo levou à sua rápida adoção pela indústria, sendo, hoje em dia, uma métrica universal e comum no chão de fábrica.


No entanto, como ilustrado acima, é necessária alguma sensibilidade e cuidado ao definir premissas internas, para não viciar a fórmula, garantindo resultados que reflitam a realidade.

  • Text Hover
Conheça o ACCEPT OEE
Saiba como pode começar a aumentar o desempenho das suas linhas de produção!

Este artigo foi útil?

Classifique este artigo

Uma vez que achou este artigo útil...

Siga-nos nas redes sociais