Artigo, Produtividade

5 Boas práticas para promover a Produtividade Consciente

Abrace a Produtividade Consciente

A Produtividade Consciente ou Slow é um movimento que surgiu como uma resposta à cultura da produtividade acelerada e constante que se tornou prática comum em muitos ambientes de trabalho.

Não se trata de executar tarefas a passo de tartaruga ou de caracol. Trata-se de ser produtivo respeitando o seu ritmo e os seus limites.

Contrariando a tendência de produzir mais em menos tempo, a Produtividade Consciente propõe uma abordagem mais equilibrada e consciente do tempo e das atividades realizadas.

Em vez de se esforçar para fazer o máximo possível num curto período de tempo, a Produtividade Consciente enfatiza a importância de trabalhar com foco e intenção, de forma a realizar tarefas com qualidade e atenção plena. Tem como principal objetivo encontrar um equilíbrio saudável entre o trabalho e a vida pessoal, evitando a sobrecarga de trabalho e a exaustão.

Na base desta abordagem está o conceito de que a pressão e a sobrecarga prejudicam a nossa qualidade do trabalho, saúde física e mental, conduzindo a uma maior probabilidade de erro, stress e exaustão.

Esta abordagem mais consciente e equilibrada, conduz a um maior bem-estar e satisfação no trabalho, a uma maior criatividade e inovação e, consequentemente, a índices de satisfação com a vida mais elevados.

5 Boas práticas para promover a Produtividade Consciente:

Tome nota:

1. Priorize as tarefas

Boas práticas para promover a Produtividade Consciente

Muitas tarefas para fazer em pouco tempo? Pare e analise. Identifique o que é realmente importante e concentre-se nessas tarefas primeiro. Esta prática vai ajudar a evitar a sobrecarga de trabalho e garantir que as tarefas mais importantes sejam realizadas com qualidade.

2. Uma tarefa de cada vez

Boas práticas para promover a Produtividade Consciente

O multitasking não é um superpoder é uma ilusão poderosa. Aumenta a probabilidade de erro e retrabalho. Em vez de tentar fazer várias coisas ao mesmo tempo, foque-se numa tarefa de cada vez, com atenção plena.

3. Evite distrações

Esteja atento e identifique o que pode distrair a sua atenção. Falo, por exemplo, de notificações de redes sociais, e-mails ou mensagens de texto. Depois de identificadas, tente minimizá-las para manter o foco nas tarefas. Mas, quais tarefas? Isso, as importantes!

4. Defina pausas regulares

Boas práticas para promover a Produtividade Consciente

As pausas de recuperação são momentos de descanso e recuperação planeadas intencionalmente, que permitem que o corpo e a mente recuperem.

As pausas de recuperação podem incluir pequenas pausas regulares durante o dia para descanso e relaxamento, bem como períodos mais longos de férias ou tempo livre fora do trabalho para recuperação total. Essas pausas ajudam a evitar a exaustão, a fadiga mental e o esgotamento profissional, além de melhorar a qualidade de vida e a satisfação no trabalho.

5. Estabeleça limites

Boas práticas para promover a Produtividade Consciente

Estabeleça limites claros em relação ao tempo de trabalho e descanso. Este é um pressuposto essencial para a Produtividade Consciente.

Esqueça a abordagem de produzir mais em menos tempo.

Abrace a Produtividade Consciente!

Sofia Pereira

Fundadora da Academy4you e da Academia pais Sem pressa e autora do conceito de “Gestão Consciente do Tempo”.

Autora dos livros: «Como ter tempo para tudo», pela Manuscrito Editora e «Slow: 50 Exercícios para desacelerar».

Presidente do Slow Movement Portugal.

Pós-graduada em Liderança Positiva e Felicidade 5.0, Happiness Manager certificada pela Happiness Business School. Certificação Internacional em Coaching Neurolinguístico. Educadora parental em Disciplina Positiva, certificada pela Positive Discipline Association – EUA. Certificação em Inteligência Emocional e Social. Professora de Mindfulness e meditação. Formadora certificada. Experiência em Coordenação de equipas. Experiência como Docente no Ensino Superior. É licenciada em Serviço Social, Pós-graduada em Análise e Intervenção Familiar e Sistémica, pela Faculdade de Psicologia da Universidade de Coimbra.

Subscreva a nossa Newsletter e receba sempre os conteúdos no seu e-mail! 📧

Este artigo foi útil?

Classifique este artigo

Uma vez que achou este artigo útil...

Siga-nos nas redes sociais